Boipeba – Um paraíso na Bahia

Como chegar em Boipeba?

Muita gente me perguntou se é difícil chegar em Boipeba? A resposta é não! Eu diria que pode ser um pouco complexo ou demorado, mas difícil nunca. Inclusive não há apenas uma maneira de chegar na ilha. Vamos a elas:
Como sou de Salvador, decidi seguir de carro pelo ferry-boat. Se você é turista e vai alugar carro, é possível fazer o mesmo caminho, caso contrário, basta trocar o carro pelo ônibus, que sai de hora em hora de Bom Despacho. Após concluir a travessia de ferry na Baía de Todos os Santos, você deve dirigir até Valença, onde o carro ficará em algum estacionamento particular à sua escolha, já que não é possível ir de carro até Boipeba. De Valença até Boipeba, é preciso pegar uma lancha rápida. A travessia de ferry dura cerca de 1h, mesmo tempo da travessia de lancha entre Valença e Boipeba. O trecho de carro entre o terminal de Bom Despacho e o Terminal Hidroviário de Valença é de 1h40, enquanto o ônibus até a rodoviária local leva 2h. Se for de ônibus, você vai precisar pegar um táxi da Rodoviária ao Terminal, o que pode custar até R$ 20. Uma opção é conversar com o motorista pra descer uma parada antes da rodoviária, evitando a ação dos taxistas.
.
Preços (julho 2019):
– Pedestre Ferry-Boat: R$ 5 (seg a sex) ou R$ 6,70 (sab, dom e feriados).
– Carro Ferry-Boat: R$ 45 (seg a sex) ou R$ 63 (sab, dom e feriados).
– Ônibus Bom Despacho-Valença: R$ 23,50 (Convencional) e R$ 25,50 (Executivo).
– Estacionamento em Valença: diárias a partir de R$ 15.
– Lancha Valença-Boipeba: R$ 44 (um trecho) ou R$ 75 (ida e volta).

De avião para Boipeba
Sabia que também é possível chegar em Boipeba de avião? O problema neste caso é o preço, mas, se você for abastado e quiser chegar na ilha gritando “EU SOU RICA”, segura essa dica. O serviço de táxi aéreo entre Salvador e Boipeba acontece diariamente, nos horários de 8h30, 12h30 e 15h30. No sentido contrário, os horários são 9h15, 13h15 e 16h15. Os voos duram 30 minutos e prometem uma vista exuberante da Baía de Todos os Santos. O valor pode variar um pouco de agência para agência ou a depender da quantidade de pessoas que compõem o grupo, porém costuma ser R$ 850 o trecho (por pessoa) mais taxa de embarque de R$ 30. Nesse caso, ida e volta, sairia pouco mais de R$ 1700 por pessoa. E aí, vai encarar?

Boipeba via Morro de São Paulo
Outra opção é pegar o catamarã, que sai do terminal próximo ao Mercado Modelo, para Morro de São Paulo e de lá seguir em um dos passeios de lancha até Boipeba. Essa opção é mais recomendada para quem deseja combinar as duas ilhas, curtindo primeiro Morro de São Paulo e em outro dia seguindo até Boipeba. Lembrando que se estiver com muita mala, pode ser desconfortável, afinal o passeio que sai de Morro e segue para Boipeba tem duas paradas obrigatórias, o que pode gerar algum nível de ansiedade ou estresse.
Lembretes
.
Para entrar no Morro é necessário pagar uma taxa de preservação de R$ 15. Boipeba não cobra taxa de acesso.
O catamarã tem duas saídas diárias (9h e 14h30) e custa R$ 96,90 + R$ 1,53 (taxa de embarque). No sentido inverso, os horários são 11h30 e 15h com valor de R$ 95,50. A duração da viagem gira em torno de 2h e pode gerar desconforto caso o mar esteja agitado, então não esqueça o remédio contra enjoo. Já o preço do passeio que sai de Morro e segue até Boipeba custa entre R$ 130 e R$ 150 por pessoa. Você pode negociar com as agências e barqueiros.

Passeios em Boipeba
Todos os meus passeios em Boipeba foram feitos com a melhor agência da ilha, a @boipebabeach_cocolouco, que fica, inclusive, no complexo da Pousada Vila da Barra, onde me hospedei. Sei que vocês devem se perguntar o que tem pra fazer em Boipeba? Muita coisa! Senta aí que vamos conversar sobre isso.

De cara, você precisa fazer o passeio de volta à ilha de Boipeba. São várias paradas, entre as quais as piscinas naturais de Moreré e Castelhanos, a Cova da Onça, o Portal das Ostras, dentre outros. Como nosso guia era dos bons, ainda tivemos um Pôr do Sol exclusivo, num banco de areia em alto mar. Ah! O passeio dura 7h e custa R$ 100 por pessoa. Preço super justo, né?

Se tiver mais tempo na ilha, você também pode fazer outros concorridos passeios, como Garapuá, povoado de praias e piscinas naturais paradisíacas, e até mesmo ir a Morro de São Paulo, que fica ali pertinho. Se quiser desbravar um pouco mais do litoral, a Coco Louco te leva a Barra Grande, na península de Maraú, local que tem despertado a paixão de artistas, principalmente em épocas como o réveillon. Para os amantes dos esportes radicais, praticar wakeboard é uma ótima opção. Você também pode se aventurar com uma boa pescaria em alto mar.

Comer e beber em Boipeba
Se for a Boipeba, vá sabendo que aqui é uma ilha paradisíaca e que tem o sossego como principal aliado. A badalação fica em Morro de São Paulo. Em Boipeba quase não há badalação durante a noite, sendo a praça o principal ponto de encontro para tomar uma bebida ou comer a boa tapioca, que na Bahia chamamos de Beiju.
Se fizer o passeio de volta à ilha, você vai passar na Ponta dos Castelhanos. Lá, você tem dois compromissos: provar o Pastel dos Castelhanos e tomar o drink no cacau do Mestre dos Magos. Já na Cova da Onça, você tem as melhores opções de frutos do mar no Restaurante Estrela do Mar. A minha escolha foi pela moqueca de camarão, que estava deliciosa. O prato é para duas pessoas, mas comem até três. E o valor disso tudo? Baratinho! A moqueca saiu por R$ 80, o pastel por R$ 15 e o drink por R$ 20. Ah! Na praça central de Boipeba, durante a noite, são muitas opções, então o ideal é olhar os cardápios e sentir os aromas, mas não deixe de provar a Tapioca da Praça.

Hospedagem em Boipeba
A ilha conta com várias pousadas, desde mais simples até as mais equipadas. Eu escolhi a @pousada_viladabarra, na minha opinião, a melhor da ilha. Seus apartamentos incluem sala, banheiro, quarto e cozinha. Tudo muito bem equipado, inclusive com sofá, minis geladeiras, microondas, bocas de fogão, dentre outras coisas. Situada à beira-mar, a Vila da Barra conta com lojinhas no mesmo ambiente, além de uma sensação de paz incrível, num lugar onde o único barulho vem do canto dos pássaros. Esta pousada é também um ponto turístico de Boipeba, com um arco coberto de flores. Ah! O café da manhã é maravilhoso!

É fácil chegar na Vila da Barra! Após desembarcar no Atracadouro, basta andar à sua esquerda pelo caminho da praia. Em cinco minutos você estará no paraíso.
Alguns turistas preferem se hospedar na famosa pousada Céu de Boipeba, que também é ponto turístico da região. Mesmo que não esteja hospedado por lá, você deve assistir ao Pôr do Sol do Céu de Boipeba ao menos uma vez. Mas atenção, vá com calma, pois o caminho até lá tem algumas subidas por uma estrada de barro. Eu acabei chegando depois do Pôr do Sol porque me perdi no horário. Não faça que nem eu.
As regras para acessar o local sem ser hóspede: tirar o chinelo na entrada e consumir alguma coisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *